Parte 13

 -Como isso pode acontecer :diz Carlajean
 -O Jr.ira nos odiar por toda a vida,não tem como perdoar uma 'distração' dessas,nem nois poderiamos cometer uma falha desta!fala desesperadamente miriam.
 -So tem um jeito não vamos contar pra ele que o esquecemos,fingimos que so agora é que conseguimos vencer o dr.internethus.sugeri nosso amigo Chris.
 -Mais vocêeee estaaa achando que o Jr. éééé um desligado tãoooo grandeee que não notou queee a lutaaa acabou fazzzz tempooooo.Grita o descontrolado Dan.........Que nunca se controla,realmente não sei como ainda não estamos surdos......
 
-Ha mais vale apena tentar,veremos no que vai dar.Diz a mulher camaleoa.
 

 E assim partem nossos 5 herois, rhum-rhum,quero dizer nossos 4 herois,ao encontro do abandonado e esquecido Cyberzé.



Escrito por Miriam às 14h35
[] [envie esta mensagem]



Parte 12

Nesse momento, o Dr. Internethus cai como uma conexão ruim no chão.
- Yuppppppp, vencemos!!! - grita Carlajean.
- Somos os melhores de todos!
- Sim, Dãn - concorda Miriam -, nós somos. Agora é hora de comemorar!
Minutos depois, quatro super-heróis (sim, quatro, sabemos que há algo de errado, mas os heróis ainda não perceberam isso) estavam assentados em uma mesinha de um buteco copo sujo na Avenida Nº 5 e comemoravam:
"Passou, passou, passou um avião, e nele tava escrito que nós vencemos o Dr. Internethus!"
- Ai ai - fala Chris, feliz - mais uma vez superamos. Somos mesmo demais!
- É, realmente, ninguém pode com a gente!
Miriam, sorrindo, fala:
- É, está pra nascer algu... ei, tem algo de errado!
- Ahhh nem vem, dessa vez não fui eu! - já se previni Chris.
- Não... não foi um pum não - tranquiliza-o a verdadeira identidade da Mulher Camaleoa. - A gente venceu o Dr. Internethus mas esqueceu de ir buscar o Júnior (não necessariamente nessa ordem)!!!


Escrito por Christiano às 18h20
[] [envie esta mensagem]



Parte 11

- Vamos fazer uma rodinha - Carlajean sussura - e vamos fingir que estamos tramando algo.
O
s nossos heróis fazem a rodinha e o Doutor Internethus fica curioso com o que eles estão fazendo e resolve chegar mais perto pra espiar. Eis que Carlajean grita:
- Montinhooooooooooooooo
E todos pulam em cima da lesma e o capacete que o impedia de ser atacado vai rompendo céu abaixo. Até cair na cabeça de uma neurótica-pervertida aos gritos com Sawyer, a perva era tão cabeça dura que PUNFT o capacete se parte ao meio, e a menina de perva fica sendo promovida a heroína do dia.
- Ataaaaaaqueeeeee deee ondaaaaaaa sonooooooraaaaaaaaa - Superduh logo se prontifica a atacar.
- Agora é minha vez - Xirisman se intromete
- Parem com isso, eu estou ficando tontooooo - O vilão cambaleia.
- Minha vez minha vez - carlajean pronta para a ação se posiciona a frente do vilão e concentra-se - Agora voce vai ver o que é ficar tonto.
- Eu finalizo - a mulher camaleoa some e aparece atras do monstro e o golpeia forte - Toma!
Nesse momento....



Escrito por Danilo às 18h30
[] [envie esta mensagem]



Parte 10

-E perai,nós somos os super-herois locais !!! lembra a camaleoa,Não da para escapar nois mesmos vamos ter que agir.
-Hiiiiiiii  é mesmo ninguém mais podera nos ajudar,Carlajean fala cabisbaixa,não tem outros herois por aqui.
-puti's grile não acredito que esquecemos esse pequeno detalhe,Xirisman fala batendo na testa,agora digam:o que iremos fazer?
-Já sei vaaamoooss salllvarrrrr o Cyberrrrrzéeeeeeee.
-A superduh isso nós ja sabemos né,a quetão é como fazer isso! exclama a mulher camaleoa ao ouvir uma besteira deste tamanho.E ela passa a bola para Carlajean,e ai carlinha querida,lindinha,fofinha,experte em ler mentes,(não necessariamente nos momentos certos),já entrou em contato com cyberzé para saber aonde o doutor Internethus o prendeu.
-Vou fazer isso agora mesmo,Carlajean entra em um transe mental concentrando-se para entrar em contato com nosso amigo capturado.
-Só espero que isso não demore muito,reclama Xirisman.
-Eu tambem espero,não gosto quando ela fica entrando na mente de outro homem,essas são as palavras de Superduh
-Eu tambem não aguento mais TANTA ENRROLAÇÃO,grita o mal feitor,o nosso arque-inimigo Dr.Internethus .
 E minutos depois.......................................................................
 ..............................................................
E depois.....................
 .................................................................................................
 ........... E depois........................................................................
 ........................
* Huff finalmente *


-Já sei, já sei, já sei ...fala Carlajeam aos pulos.



Escrito por Miriam às 13h15
[] [envie esta mensagem]



Parte 9

- Eu!!!
- Ah, o Chapolin Colorado!!! - grita Carla!
- Que Chapolin Colorado o quê, Carlajean. Foi eu que falei isso, só pra descontrair um pouquinho - explica Xirisman, rindo.
- Argh, Xirisman, que péssima! - comenta Superduh.
Carlajean resolve tentar de novo:
- E agora, quem poderá nos defender?
- Eeeeeeuuuuuuuuuu!!!!! - cantando.
- Superduh ¬¬, você acha que alguém vai cair na sua piadinha, com essa voz? - pergunta Carla. - Ok, mais alguém vai brincar ou eu posso perguntar sério?
O Dr. Internethus, que lixava os cabos enquanto os super-heróis se divertiam com suas brincadeirinhas, fala:
- Quando vocês resolverem vocês me avisam tá?
- É, gente - diz a Mulher Camaleoa - chega disso né? E agora, quem poderá nos defender??


Escrito por Christiano às 09h38
[] [envie esta mensagem]



Parte 8

- ... ilha perdida de LOST - Carlajean prossegue - como conseguimos vir parar aqui?

-  Nããããaaaaoo seeeei, maaaas paaareeeceeee queeeee...  - Superduh foi interrompido

- Chega dessa voz por hoje! Controle-se! Parece que aqui é o esconderijo do doutor Internethus - Super Camaleoa impede-o de falar

- Hahahahahahahahaha - Ouve-se uma risada maléfica - Então vocês me encontraram não é? E não adianta vir com essas de penetrar na minha mente, cabeçuda, eu estou usando um capacete que me protege disso - O nosso vilão confronta-os

- Seus dias estão contados Internethus! -  Xirisman grita - Vamos ao combate!

- É hora de morfar! - Carlajean novamente se confunde - Ah desculpa gente, seriado errado de novo!

- Aaaataaaqueee deee ondaaaa sonoooooraaaa  - da boca de Superduh sai um enorme raio e atinge o ouvido do maléfico

- Eu acabei de dizer que meu capacete me protege dessas asneiras todas de vocês, heróis de meia tigela  - o atraso em nossas conexões responde convencido....

- E agora, quem poderá nos ajudar? - Carlajean abaixa a cabeça



Escrito por Danilo às 17h27
[] [envie esta mensagem]



Parte 7

- Foi o Dr. Inthernetus, pra variar... pobre zé... – disse Carla

- É, temos que resgatá-lo...

- Mas, miriam, espere... tem mais alguma coisa errada! Esta viagem... está demorando muito mais do que deveria!

- Tá bom... eu admito que acho que entramos errado na última curva...

- Não, não... não se trata do caminho... ESTAMOS VOANDO EM CÍRCULOS!!!!

As duas se olham e entra a música de suspense: *ta-tã-tãaaaaa!!!*. O momento se acaba e as heroínas voltam ao diálogo:

- Mas, Carla... não é possível....

- Sim, Miriam! Ou se não, qual explicação você dá para estarmos nessa enrolação, voando e conversando há horas, sem chegar ao nosso destino??

 

***

 

- Você também acaba de ouvir a mensagem da Carla na sua mente, Dãn?

- Sim, faz sentido! Parece mesmo que nosso inimigo nos prendeu a todos num campo de força... Vou ser obrigado a utilizar minha superlindavozcantante para tirar-nos daqui!

- Era o que eu temia... ¬¬

E ele começou:

 SO SHE SAID WHAT’S THE PROBLEEEMMMM BABYYYYYY, WHAAAT’SSS THE PROBLEM I DON’t KNOW, WELL, MAYBE I’M IN LOOOVEEEE….. 

 

***

- O Superduh conseguiu nos libertar!!! – regozijou-se Carla

- E finalmente chegamos!!!

 

O lugar era de dar medo…. Peraí…! Mas que lugar era aquele? Nossos heróis não disseram aonde estava indo….

 

- Simples, narrador…  diz Carla, utilizando seus poderes - nós chegamos à



Escrito por Carla às 21h19
[] [envie esta mensagem]



Parte 6

- Saaaaiiii praaa láááááá!!!!!

- Ah, sai você, ou! Eu sou melhor, eu vou na frente!

- Não adianta usar seus poderes, tô de olhos fechados!

- É, vai voando de olhos fechados que você vai acabar batendo de frente com um urubu!

De repente, uma voz soa no fundo da mente de cada um:

"Ei, vocês dois, será que poderiam parar com essa guerra de poderes inútil e se concentrar na missão???"

- Odeio quando ela fica nos observado!

- É, mas você sabe que é preciso, Xirisman, afinal, de tempos em tempos ela tem que ler nossa mente pra saber se precisamos passar alguma mensagem a ela. Mas eu acho que na verdade ela fica observando porque ela me ama!

- Sai fora, Superduh, ela me ama!

E a discussão continua...

***

- Ai ai - Carla, rindo - esses dois só pra me fazer rir mesmo. Venha, Miriam, vamos observar a cidade e ver como estão as coisas na casa das pessoas.

- Você está certa. Precisamos saber até quanto o  Dr. Internethus Diskadhus atingiu as pessoas dessa última vez. Acho que o Cyberzé vai conseguir dar um jeito lá no laboratório. E pelo menos ele vai poder contar com a proteção do Superduh e do Xirisman.

- É, os dois vão ficar lá do lado de fora observando como estão as coisas e prontos pra qualquer eventualidade. Ou vão ficar discutindo, né? Vai saber. - Ela para um minuto e olha pros lados. - Vamos, por aqui!

***

Cyberzé voava depressa (aliás, como já foi dito, não tão depressa, mas a uma velocidade que dava pro gasto) em direção ao CTA - Centro Tecnológico Avançado. De repente, ele bate em alguma coisa e começa a cair (é, acabou que quem bateu foi ele, e não o Superduh, só que não foi em um urubu). Júnior caía atordoado, sem conseguir se equilibrar. Então, de repente, alguém o pega.

***

Carla e Miriam voavam graciosamente pelos céus de Fivecity quando Carla ABS-mente freia, causando espanto em Miriam.

- Mulher Camaleoa, o Cyberzé! Pegaram o Cyberzé!!!



Escrito por Christiano às 23h08
[] [envie esta mensagem]



Parte 5

-E agora! o que iremos fazer,esclama nossa heroina Carlajean.

-Vamos ver o que está acontecendo de perto,falou Miriam,vamos nos separar,Junior vá ao Centro centro Tecnológico Avançado e faça todo o possivel para manter o sistema funcionando,apesar de toda está neve.Neste momento começa uma discução entre Chris e Dan.

-Eu vou com a Carla.

-Não ela vai é comigo.

-Pode tirar seu cavalinho-da-chuva,elaaa iraaa ééééé comiiiiigoooooooo,mais uma vez superduh se descontrola deixando a todos nois com um zumbido no ouvido.

-Esses dois brigando de novo eu não aguento mais,Junior fala enquanto da uns tapinhas no ouvido para ver se para de zunir.Pra mim já deu.....vou a central de internet cuidar para que o sistema se mantenha em operação FUI.......e lá se foi ele voando com toda velocidade (não que fosse tanto assim,mais dá pro gasto)

-Quanto a vocês parem com essa briga agora!

-É parem com isso,pois eu vou ir com a mulher camaleoa.Diz Carlajean.

-Mais de novo Carla,você não para com essa mania de ler as nossas mentes.Diz Miriam furiosa.Mais agora já falou,e é isso mesmo,eu e Carla iremos para um lado e vocês dois para o outro.

-E assim nossos herois seguem para mais uma incrivel missão,claro que ainda teve mais reclamção entre os nossos grandes herois Superduh eXirisman.

-Eu vou na frente.

-Hahaha só se nascer de novo.

 E assim eles seguem um empurrando o outro pelo céu.

-hii sei não,mais nunca vi tanta implicancia como esses dois....

 E nossos super-mega-hiper herois seguem para a batalha contra o terrivel Dr. Internethus Diskadhus, que faz de tudo para derrotar e separar nossos amados bem feitores.



Escrito por Miriam às 17h08
[] [envie esta mensagem]



Parte 4

- Rápido, vejam o que está acontecendo pela minha tela portátil! - e com a agilidade de um guaximim, Júnior materializou uma pequena tela de plasma para que o grupo visse o quu estava acontecendo.

- Meu Deus! - disse Dan ao olhar para a tela. Todos estavam boquiabertos com a sessão de gala mostrada por Júnior. - Isso é...

- Isso é... Isso é... Que diabos é isso? - perguntou Chris, confuso como de costume. - Tá parecendo... - Foi então que todos viram claramente e gritaram juntos:

- NEVE!

- Neve? - questionou, Carla.

- Sim, neve! - Dan já tomava conta da situação - Mas... Poxa vida, Miriam você nos fez vir até aqui pra enxergar uma estação de esqui na telinha do Júnior? - agora ele ficou bravo.

- Sim, mas o problema é onde essa estação de esqui está...

- Tá vendo aqui Dan? (Júnior apontou num mapa que apareceu em seguida na telinha) Isso é o Polo Norte...

- Eu disse! Eu disse! Que perda de...

- Escuta ele Dan! - e Danilo parou de falar instantaneamente, graças aos poderes de Carla, óbvio.

- Esse é o Pólo Norte (e Júnior foi descendo o dedo, descendo descendo...) Essa neve toda tá aqui.

- Mas isso é o Centro Tecnológico Avançado, central de toda a nossa internet!

- Sim... Em pouco tempo essa neve vai congelar os sistemas e toda a internet de altíssima velocidade vai parar de funcionar...

- Já sei até quem fez isso... - disse Miriam. - Sinto o cheiro de... um cheirinho de...

- Lerdeza! - arrematou Chris.

- DOUTOR INTERNETHUS DISKADHUS! - disseram todos, quase gritando. Sim. O maior vilão de todos. Aquele que proporcionava terror estava de volta. Lentidão. Sofrimento. Quedas em cima de quedas. Nem a banda larga venceu ele. Seria preciso cinco super-heróis para derrotá-lo.

- Então, que comece a guerra!



Escrito por Júnior às 14h13
[] [envie esta mensagem]



Parte 3

 Após pegar sua bolsa, Míriam desaparece e todos ficam sem entender, claro, pegam o impulso e começam a voar em direção a...a...a... aonde mesmo? A Miriam nao avisou onde ir a ninguem, e tinha desaparecido  e sem deixar algum rastro. Sua bolsa estava no chao, caída e todos começaram a procurar por perto pra ver se encontravam. Mas ninguém sabia nem onde procurar. Eis que uma voz grita:

 - Vamos logo! - zuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuum a bolsa de miriam começa a voar.

Todos olham espantados para aquilo que chamavam de bolsa de repente voando, e o pior, dando-lhes ordens. Seguiram a bolsa o tempo todo e no meio do ar, Míriam surge como num passe de mágica.Chris, olha com seus olhos Élente ou aww como preferirem espantados

- Míriam!!!! Quando vai parar de se camuflar sem avisar a gente?!?! Bip - diz Júnior

- Calma gente. Vocês sabem né, até agora eu nao fiz o quilo daquelas pizzas que comi no almoço, era mais fácil voar com menos peso né? E me transformar num papel e entrar nessa bolsa ajudou. Sinto que preciso ficar so na saladinha nos dias de missões.

- Míriam, qual dos montros estão atacando a Alameda dos Anjos.... Ops, isso aqui nao é power rangers né? A nossa cidade? - Carlajean lê os pensamentos da nossa camaleoa.

- Caaarla! Assim não tem graça vai, é só o MEU celular vibrar e eu receber a noticia que voce estraga? - Míriam é a drama queen da vez.

- Maaaasss isssoooo nããããaao ééé hoooraaaa deee discutiiiiiiiir, faleeeeeem maaaaissss sobreeeee oooo proooobleeeemaaaaa - Dãn se exalta e como sempre, fala cantando.

- Realmente falem logo porque meu sistema tá detectando problemas bip - Júnior interrompe com sua voz cibernética.

...



Escrito por Danilo às 15h29
[] [envie esta mensagem]



Parte 2

A tarde ensolarada e um pouco nublada, mas que na verdade estava parecendo mais um dilúvio, se foi e veio a noite que, por sinal, continuou como o dia inteiro havia sido, exceto pelo fato de que o sol já tinha ido dormir e que no lugar dos passarinhos cantantes, ouvia-se agora coruja cantantes.
Se não fossem os dois pintinhos molhados que corriam para se esconder, ao longo da rua, esta estaria vazia.
Na verdade aqueles dois pintinhos eram nada menos do que dois super-heróis fortíssimos, incríveis e invencíveis. Invencíveis exceto pela chuva, que fez um estrago neles.
- Eu devia ter imaginado que isso não daria certo. Que idéia de girico essa de vir a pé. Só porque a chuva parou por um minutinho você achou que dava tempo de chegarmos. Tinha que ser um bezerro inexperiente mesmo!
- Ah, que foi heim vovó Miriam? Vai ficar implicando comigo? - perguntou Júnior.
- Vovó é a
$@%#@%! Olha como estamos, Júnior. Vamos precisar entrar no forno do QG. pra gente secar.
- Vamos subir logo.
Na sala do QG. outros três super-heróis olhavam atentamente para a mesa. O silêncio era quase impenetrável. Após longos minutos, a jovem garota fala:
- Foi o Coronel Mostarda, na sala de jantar, com o castiçal!
- Ahh não! - esbraveja Dãn. - Acertou. Eu já sabia que era isso, eu ia chutar isso agora. Aposto que tá roubando. Não é justo, eu estava indo tão bem, ia falar isso na próxima. Por que a Carla sempre...
- DÃN! Dá pra calar??? Você vai nos deixar surdo com essa voz. Seria bom que você começasse a usar a língua de sinais heim. Se quiser posso te ensinar...
- Obrigado, Carla - disse ele, já controlando a voz - mas eu sei me cotrolar. Fíííígaroooo fígaro fígaro fígaro fíííígaroooo...
- Meu Deus do céu, o que é isso??? - pergunta Miriam adentrando a sala, com Júnior atrás.
- O Dãn ficou com raiva porque o Coronel Mostarda era o assassino - explica Chris. - E, pra variar a Carla descobriu. Ela jura que não descobre o que está dentro do envelope com os poderes dela mas... ei, Júnior, vai assar alguma coisa pra gente?
- Só se for frango molhado...
Lá fora a chuva continuava forte. Júnior vira para os outros e fala:
- E então, o que vamos fazer? Que noite monótona!
- Podíamos saír pra salvar o mundo. É o que fazemos de melhor.
- Só se for construindo uma arca, né Chris? Porque do jeito que tá nem o Jigsaw tá querendo sair, pra não pegar resfriado.
Miriam deu uma risadinha:
- Então eu acho que a gente podia... ah não!!! Quem foi que soltou um pum? Por favor né, tá tudo fechado aqui por causa da chuva gente.
Quatro vozes distintas, uma se sobressaindo, falaram simultaneamente:
- Eu não fui!
- CHRIS! - grita Carla.
Júnior arremessa um mouse na cabeça de Chris:
- Ahh danado, foi você então né???
- Ah não, Carla, isso não é justo. Você deveria parar de usar seus poderes contra a gente!
- Você que deveria parar de peidar na frente dos outros! Toda vez que você fizer isso eu vou contar mesmo!
Dãn dava risadinhas felizes. A única coisa que faz ele ficar mais feliz que ver Carla brigando com Chris é lembrar que dia 04 de abril de 2007 tem show de Evanescence no Brasil.
- Ah é Carla, quer dizer que você vai falar sempre?
- Vou! - responde ela, com cara de birra.
- Tem certeza?
- Tenho!
Um brilho surge nos olhos de Chris e ele dá leve piscadinhas:
- Absoluta???
- Awww! Claro que não Chris. Não farei nada que possa te magoar! - responde Carla, com um sorriso ingênuo no rosto.
- Assim que eu gosto, Carlinha.
Miriam observava tudo se divertindo, enquanto Júnior lutava pra entrar dentro do forno.
- Ai ai.. esses dois... ainda vai dar cois.....
Dãn interrompe furioso:
- Vai dar o quê, Miriam? O quê???
- Calma, Dãnzinhu, não vai dar nada tá. Pode ficar calminho heim? Ei Júnior, você vai se queimar aí!
- Oh vovozinha, eu controlo a temperatura com meu cooler.
- Ah, gente, esse menino cismou. Eu ainda pego ele de jeito!
Din dom!
- Ei, tem alguém na porta - fala Chris.
- Não, é meu celular novo! Vocês viram, a Claro tá com ótimas promoções. Só um minuto - Miriam pega o celular e atende. - Boa noite, Miriam falando, em que posso ajudar?
- Ela virou telefonista?
- Shhh fica quieto, Júnior.
Miriam desliga. Em seu rosto, um olhar de emoticon de espanto do MSN é facilmente visto por todos!
- Gente, vocês não vão acreditar!
- Oooooooo quêêêêêêêêêê???? - canta Dãn.
- No caminho eu falo! Precisamos correr.
Pega sua bolsa e se encaminha para a porta.



Escrito por Christiano às 15h02
[] [envie esta mensagem]



EPISÓDIO I - Parte 1

Era uma ensolarada tarde de novembro e os passarinhos cantarolavam. Ensolarada e um pouco nublada. E com uns chuviscos também. Tá bom.... tá bom... tudo o q se podia enxergar naquele dia era um misto de névoa cinzenta com pancadas de chuva e granizo que mais pareciam vir de torneiras gigantes abertas no céu escuro.

Dois super-heróis estavam reunidos na sala do Quartel General, o QG. Carla olhava interessada para a mesa enquanto gotas de suor escorriam da face de Dãn que, com olhar perplexo, evidenciava a ansiedade de alguém prestes a tomar uma importante decisão:

- É isso, vou pegar o morto!! – se inclinou pra alcançar as cartas e as olhou – Droga! Eu sabia que não tinha que pegar o morto!!!

- Será que vcs não acabam esse buraco, não? – disse Chris adentrando o cômodo - Vão ficar nisso o dia inteiro???

- O que você quer que façamos num dia desses? – disse Carla – Eu sei o que você está pensando... “somos super-heróis, podemos fazer qualquer coisa”, mas você sabe que não é assim... ei! Ei! Pare de ficar pensando sobre como “a luz reflete lindamente no meu cabelo”... e pare de desejar q eu ñ pudesse ler mentes... ei!! eu estou falando com você!! PARE DE PISCAR ESSES OLHOS PRA MIIIM!!!



Escrito por Carla às 03h51
[] [envie esta mensagem]



[ ver mensagens anteriores ]


ATENÇÃO!
Para entender a continuidade da história, você precisa ler os posts de baixo para cima.


[Escritores]
Carla
Christiano
Danilo
Junior
Miriam

[Personagens Principais]

Carla:
carla: poderes psíquicos CARLAJEAN (pronuncia-se "carladin") - poderes psíquicos

Chris:
chris: olhar piscante XIRISMAN - poder dos olhos piscantes comoventes

Dãn:
dãn: supervoz SUPERDUH (pronuncia-se "superdã") - supervoz barítono cantante

Junior:
junior: poderes cibernéticosCYBERZÉ - poderes cibernéticos

Miriam:
miriam: camuflagem MULHER CAMALEOA - poder de camuflagem e aparecimento "do nada" (e tb força pacificadora e discernimento certo/errado, bem/mal)

[Humor do último a postar]

[Histórico]
19/11/2006 a 25/11/2006
05/11/2006 a 11/11/2006
29/10/2006 a 04/11/2006


[Votação]
Dê uma nota para esta super-extraordinária-divertida-incrível-saga que é muito legal


[Links]
Blog da Carla
Blog do Dãn
Blog do Junior
imagens & etc